terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Amor... ?

Como pode alguém amar uma pessoa e "não querer" estar junto da pessoa amada?
Como pode ter certeza do sentimento e conseguir ser tão racional e escolher "não estar junto" do seu grande amor?

Estava justamente pensando nessas questões quando vi mais uma vez o filme Lisbella e o prisioneiro, aproveitando mais uma tarde das minhas férias. Consegui rir das situações do filme, rir das minhas situações e chegar a conclusão que "não dá pra entender" certas atitudes. O melhor é aceitar, respeitar e seguir em frente, quando por motivo de força maior o mocinho abandona a mocinha e vai embora dizendo que a ama (o que a deixará ainda mais apaixonada).
(Abro um parentese extra para esclarecer que parafraseei Lisbella, mas esse não e exatamente o meu caso.)

Leléu: Quando a gente ama uma pessoa, o que a gente mais quer nesse mundo?

Lisbela: Ah, é ficar bem juntinho.
Leléu: Pronto. Tão juntinho, tão juntinho, que como diz o poeta: 'Transforma-se o amador na coisa amada, por virtude do muito imaginar, não tem o algo mais que desejar, pois já tenho em mim a parte desejada. '

4 comentários:

Fernanda disse...

Adoro esse filme! To com saudade de voce. Vi que tinha postado ha uma hora, e entrei no msn pra ver se voce estava online, mas nao te encontrei :(
Beijinhos e se cuida!

Bia Mendonça disse...

Ai Jane.... citando o filme sobre o qual vc comentou eu escrevo que "O amor é um precipício: quando a pessoa acha que está voando, talvez já esteja caindo."

Não sei nem o que dizer (até pq quero saber melhor como vc está e os eventos que aconteceram), mas eu sinceramente espero que um dia NÓS possamos olhar para trás e rir do quanto nos faltava sorte no amor. :)

bjs

Jane disse...

Fer,
Tb adoro esse filme.
Eu não tenho entrado mt no msn pq estava viajando. Cheguei ontem, mas trouxe comigo uma amiga que vai ficar aqui até sexta, por isso tb nao devo entrar nos proximos dias.
To com saudades de vc tb!
Bjs

Bia,
Essa frase que vc citou tb é ótima. Minha história de amor estava bem uma novela, parecendo as histórias da Lisbella.
Estou mt bem. Já estou conseguindo rir das situações.
Ce la vie.
Depois conversamos melhor.
Bjs, Saudade.

Larissa, Lara, Lalá, .... disse...

Jane
Levanta o astral!!!!! Que bom que a Lisbella te fez rir!!!! E' o melhor reme'dio. Beijos